8 de jun de 2010

Diversão à moda oriental no Kodama DF


Os personagens de desenho animado ganharam vida e saltaram da tela para a vida real. Quem visitou a 9ª Konvenção de Animes e Mangás (KodamaDF), realizada neste sábado (29/5) e domingo (30/5) — na Universidade Paulista (Unip), na 913 Sul —, teve essa sensação. Os visuais eram no mínimo inusitados. Jovens com fantasias elaboradas, cabelos coloridos, espadas de samurai, cetros mágicos. Cerca de 10 mil pessoas compareceram ao local.

Com o intuito de reunir os jovens okatus (fãs) e curiosos, o encontro contou com salas de exibição de animes, estandes de comida oriental, feira medieval, oficinas de quadrinhos e concurso internacional de cosplay, o World Cosplay Summit (WCS) — promovido pela TV AISHI(Japão) e organizado no Brasil pela Editora JBC . "Hoje o mercado de quadrinhos está concentrado em São Paulo e é muito ativo no nordeste. A ideia é divulgar e fortalecer essa cultura aqui em Brasília", diz Márcia Conceição Souza e Coelho, coordenadora do evento. Um dos destaques foi a palestra de Fábio Yabu, criador dos desenhos Princesas do Mar e Combo Ranger.

Exposição de quadrinhos
Quem compareceu à 9ª edição do Kodama conferiu o melhor dos quadrinhos. Com mais de um século de existência, o mundo dos quadrinhos sempre teve poucas mulheres trabalhando na área. Mas a situação que vem mudando ao longo das últimas duas décadas com um crescente interesse delas.

É o caso de Verônica Silva de Souza Saiki, que expôs quadrinhos japoneses, os famosos mangás, além de cartoons, durante o evento. "As pessoas ainda não tem o costume de ler os fanzines. E ainda não dá para viver disso no Brasil. Por isso, aproveitamos o evento para divulgar", destaca. Desde 2007, a brasiliense publica por própria por conta própria o título Verdugo, o inacreditável.


História
O WCS é um campeonato de cosplay, originalmente criado no Japão. Cosplayer é o nome dado para as para pessoas que se vestem e atuam como seus personagens preferidos de Animes (desenhos) e Mangás (quadrinhos) japoneses.

fonte: www.correiobraziliense.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário