1 de mai de 2015

Top 5 - Mães

Depois de um bom tempo, está na hora de mais um Top 5, e já que o mês de maio chegou, que tema mais adequadado do que as mães da ficção? Sempre presentes em dramas e slices of life, normalmente as mães são relegadas a posições discretas na fantasia e na ficção científica. Porém, independente do gênero, quando o assunto é cultura pop, poucas delas ocupam um lugar de destaque. Porém, nem todas se conformam a ficar em segundo plano e é sobre elas que vamos falar hoje. Aqui vai uma lista com as minhas cinco mães favoritas da ficção.

5 – Trisha Elric (Full Metal Alchemist)


É a grande “mãezona” dessa lista. Abandonada pelo marido, Trisha cria sozinha seus dois filhos, Edward e Alphonse, sem deixar de ser uma mulher doce e carinhosa. O amor dos garotos por ela é tamanho que, após seu falecimento por conta de uma doença, tentam ressuscitá-la usando alquimia. Infelizmente, o resultado é um verdadeiro desastre. No anime, anos após o incidente, Ed e Al descubrem que, de fato, Trisha voltou à vida, não mais como uma mãe amorosa e sim como a implacável vilã Sloth.

4 – Sara Pezzini (Witchblade)


Independente, exuberante e badass de plantão, Sara nunca vacila diante do perigo, seja limpando as ruas como policial, seja enfrentando ameaças sobrenaturais com a manopla mágica Witchblade. Após passar uma noite com seu eterno inimigo/amante Jack Estacado, o Darkness, fica grávida e vem ser a mãe de Hope, uma menina calada e dotada de misteriosos poderes que a tornam a chave para a salvação de todo o universo, mas apenas através de seu sacrifício. Num momento extremo, Sara escolhe salvar o mundo em troca da vida da própria filha.

3 – Mística (X-Men)


Raven Darkholme é uma mutante com poderes transmórficos, ou seja, pode mudar de aparência à vontade; tais poderes, e sua enorme sagacidade, a tornam uma das pessoas mais perigosas do planeta! Apesar de ser uma vilã, já ajudou os X-Men em diversas oportunidades, além de possuir ligações com alguns de seus membros: é mãe biológica de Noturno e adotiva de Vampira. Recentemente, descobriu-se que Mística se casou secretamente com o Professor Xavier e desse relacionamento nasceu Charles Xavier Jr. Como se não bastasse, Raze, um jovem mutante vindo do futuro, alega ser fruto de um caso que ela terá com Wolverine.

2 – Mulher-Invisível (Quarteto Fantástico)


Pesquisadora, astronauta e super-heroína; esse é o currículo de Susan Richards. Sue co-fundou o Quarteto Fantástico após um acidente com raios cósmicos lhe dar poderes telecinéticos e a habilidade de ficar invisível. É casada com seu colega de equipe, Reed, o Sr. Fantástico, com quem teve dois filhos: Franklin, de dez anos, e a brilhante e marrenta Valéria. Beirando os quarenta, Sue conserva a boa forma e, mesmo amando muito seu marido, há tempos mantém um relacionamento extraconjugal com Namor, o Príncipe Submarino.

1 – Bulma (Dragon Ball, DBZ/GT)


Bulma é dos poucos (e certamente o maior) cérebros no mar de músculos de DBZ. A primeira colocada desse ranking é herdeira da Corporação Cápsula e namorou o guerreiro Yamcha por anos, mas quando a relação chegou ao fim, arrastou asa para ninguém menos que o príncipe dos Saiyajins, Vegeta. Mesmo sem se casarem, tiveram um filho chamado Trunks; tempos depois, com a relação mais estável, tiveram outra filha, Bra. Genial (e geniosa), Bulma é a criadora do Radar do Dragão e chegou até a construir uma máquina do tempo, provando ser mais que um rostinho bonito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário