31 de ago de 2013

O Verdadeiro Final de A Caverna do Dragão


Se não você não sabe o que é o desenho A Caverna do Dragão, quer dizer que você é um astronauta e passou os últimos 30 anos em Marte. Na trama, baseada no famoso livro de RPG Dungeons & Dragons, seis jovens são transportados para um mundo de fantasia onde recebem armas mágicas para lutar contra o vilão Vingador, o dragão de cinco cabeças Tiamat e outros perigos, sob a tutela do Mestre dos Magos, que sempre desaparece sem contar a seus discípulos como encontrar o caminho de casa.

Como o desenho foi cancelado antes do episódio final ser produzido, ficou a impressão de que Hank, o arqueiro, Eric, o cavaleiro, Sheila, a ladra, Presto, o mago, Diana, a acrobata e Bob, o bárbaro nunca voltaram para casa. Isso deu margem para inúmeras teorias sem noção. A mais viajante delas (e tenho certeza de que vocês conhecem) é aquela que sugere que os seis jovens estavam mortos.

Gente, era um cartoon dos anos 1980, a chance dessa teoria ser verdadeira é absolutamente nenhuma, zero, pode esquecer!

O fato é que o roteiro do último episódio chamado Réquiem foi sim escrito, mas nunca foi parar nas telas. A extinta revista Dragão Brasil chegou a publicar esse roteiro adaptado como conto e recentemente Réquiem foi transformado em uma HQ assinada por Michael Reaves (um dos roteiristas do desenho), com arte do brasileiro Reinaldo Rocha.

Essa HQ foi disponibilizada em alguns sites, então se você quer acabar com uma das grandes dúvidas da sua infância, basta clicar no link abaixo. Boa leitura!



24 de ago de 2013

Chamada para a coletânea A Revolução das Máquinas

A Navras Digital já está com inscrições abertas para a coletânea A Revolução das Máquinas, com organização de Ademir Pascale (O Desejo de Lilith, Diabólica).

Na página da antologia, não há um texto introdutório, apresentando apenas o tema aos autores interessados, deixando bastante espaço para a imaginação. As inscrições vão até 05 de outubro de 2013.


Boas escritas!

17 de ago de 2013

[Game] Bioshock Infinite

Bioshock Infinite começa com o protagonista Booker DeWitt sendo conduzido de canoa à um farol debaixo de uma forte chuva. Ele tem um revolver, a foto de uma jovem e uma ideia em mente: "Entregue a garota, livre-se da dívida". A garota em questão é Elizabeth, uma jovem misteriosa que possui o poder de abrir portais dimensionais. Ela é mantida cativa sem qualquer contato com o mundo exterior em uma torre na cidade voadora de Columbia. Claro que essa não será uma missão fácil, já que o Songbird, um pássaro de metal gigante vai fazer de tudo para impedir que Elizabeth deixe a cidade.

Apesar de eu curtir jogos de tiro em 3º pessoa, não sou assim tão fã de tiro em primeira pessoa. Mas quando vejo um game com uma premissa tão interessante e um background tão rico, eu simplesmente preciso jogar! Sou o tipo de jogador que valoriza mais uma boa história do que o gameplay (embora eu concorde que uma mecânica de jogo ruim estraga qualquer roteiro).

O jogo é ambientado em 1912 e combina o retrô com elementos steampunk, com uma tecnologia improvável, como cavalos mecânicos. Toda a história gira em torno de Elizabeth: seu poderes, seu passado e o futuro que o líder de Columbia, Comstock planeja para ela. Tão logo chega à cidade, Booker se vê dentro de uma igreja, e de fato, a religião é quem comanda tudo aqui. Comstock é venerado pelos moradores que o chamam de "O Profeta".

Mas nem tudo são flores. Enquanto a elite de Columbia é formada por brancos em sua maioria, os membros do movimento rebelde Vox Populi são quase todos negros, cujos métodos são tão questionáveis quanto os do Profeta. Como dá pra ver, esse é um jogo que não foge de temas complexos.

Outra questão que os poderes de Elizabeth deixam no ar é: "o que você faria se tivesse outra chance? se pudesse viver outras vidas?".


Em Bioshock Infinite, a visão em primeira pessoa não é só um aspecto técnico, é uma escolha artística. A ideia dos produtores da Irrational Games é que você veja tudo com seus próprios olhos. Desde a cena de abertura na canoa até o final do jogo, tudo é visto em primeira pessoa, não há nenhuma cutscene onde Booker seja visto do ponto de vista de um observador "de fora". Você não vai ver os inimigos chegando até que se vire na direção certa. E há muito para ser visto. Columbia é um lugar deslumbrante! Alguns cenários são belíssimos, outros são sombrios, mas todos de um realismo impressionante!


Elizabeth estará ao seu lado durante 99% do tempo, mas você não precisa protegê-la durante as lutas. Ao contrário, ela ajudará jogando munição e itens de cura, o que faz dela uma excelente parceira. Na verdade, desde Ico eu não via um game que investia tanto na relação do jogador com um personagem do jogo.

Em resumo, Bioshock Infinite combina tudo que um grande game deve ter: uma história inteligente, um ótimo gameplay, personagens carismáticos e um cenário espetacular! Sério candidato a jogo do ano!

15 de ago de 2013

Novo Layout e Nova Fase

Como vocês já devem ter notado, o blog está de cara nova. Tem acontecido muitas coisas e achei que era hora de uma mudança. Quem costuma vir aqui em busca de dicas para escrever roteiros e contos, novas antologias e similares não precisa se preocupar, ainda vamos ter esse tipo de material por aqui.

Mas a partir de agora também quero falar sobre outros assuntos que me atraem como games, cinema, nerdices em geral ou até mesmo qualquer outra ideia aleatória que me passar pela cabeça. Em resumo, o blog vai ganhar um aspecto um pouco mais pessoal.

Espero poder contar com todos vocês nessa nova fase e tomara que gostem do que vem por aí!

PS: Em tempo, o background veio desse site aqui.

10 de ago de 2013

[Dicas para escrever] Tutoriais de roteiro e desenho no Facebook

Na última postagem, trouxe de volta um link para relembrar da Quadrinize. Esse post tinha dois objetivos: um deles era a questão da nostalgia, o outro era para cobrir a ausência de novas colunas com dicas para os novos quadrinhistas.

Continuando nessa linha, quero mostrar para vocês duas fanpagens do Facebook que trazem um material bem interessante para quem pensa em se aventurar pelo mundo das HQs. Clique nas imagens para acessar.

Script Comic Book Artist / Comic Book Writer

Página com muito material e dicas de roteiro, construção de personagens e etc. Até o meu blog aparece por lá de vez em quando.


Como Fazer 9ª Arte

Fanpage sobre tutorias para desenhistas, com uma quantidade grande de atualizações diárias e o passo-a-passo de uma grande variedade de ilustrações.